Município da Beira indemniza 200 trabalhadores da ex-TPB

Horácio João

O Conselho Municipal da Beira, na província central de Sofala, iniciou nesta quarta-feira com o pagamento das indemnizações aos 200 antigos trabalhadores da extinta transportadora urbana denominada Transportes Públicos da Beira (TPB), num montante global de 40 milhões de meticais.

O edil Albano Carige referiu que tal, beneficia todos os ex-trabalhadores daquela então instituição tutelada pelo Ministério dos Transportes e Comunicações que estavam a espera que fossem indemnizados devido a passagem de TPB para Transportes Municipal da Beira (TMB).

A fonte ressalvou que desde a extinção dos TPB até hoje, o Governo Central nunca se responsabilizou pelas indemnizações, daí que o Conselho Municipal da Beira assumiu a responsabilidade de proceder aos pagamentos em alusão.

Para o efeito, Carige disse que no primeiro dia foram pagos 46 ex-trabalhadores, sendo que a segunda fase está prevista para Junho próximo, enquanto a terceira tranche vai acontecer no segundo semestre deste ano, totalizando 30.5 milhões de meticais, e os restantes 9.5 milhões para o próximo ano.

O facto, conforme sustentou, acontece quando o Governo Central enfrenta sérias dificuldades de pagar salários em todos sectores públicos, indicando que razão pela qual essas indemnizações são vistas pelos abrangidos como um verdadeiro “balão de oxigénio”, pois alguns deles chegaram a perder vida sem se beneficiar deste acto.

A viúva Helena Domingos lamentou a lentidão do processo, mas agradeceu esforços empreendidos pelo Conselho Municipal da Beira, fazendo votos que seja concluído sem sobressalto e dentro das previsões.

O atraso no pagamento destas indemnizações chegou mesmo a resultar em diversas manifestações de repúdio daquele grupo-alvo.

English EN Portuguese PT
× Como podemos ajudar?