É hora de agir contra o terrorismo em Moçambique : Afirma o Presidente da “troika” da SADC

O responsável da troika da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC) para Política, Defesa e Segurança, Mokgweetsi Masisi, diz ter chegado a hora de agir e deixar uma mensagem clara aos terroristas que assolam a região norte da província moçambicana de Cabo Delgado.

“Agora é hora de agir colectivamente e emitir uma mensagem clara e vigorosa aos terroristas, de que a região não vai tolerar este tipo de actos” sublinhou o Presidente do Botswana em Maputo.

No final da sessão técnica que discutiu as medidas de apoio a Moçambique, a serem comunicadas dentro em breve, num comunicado final, o líder da troika realçou que os países da SADC devem agir, de forma colectiva, para proteger a região do terrorismo e manifestou confiança de que esta é uma guerra para vencer.

“Temos aposta de que seremos bem sucedidos no combate ao terrorismo” vincou Masisi.

O Presidente de Moçambique e em exercício da SADC, Filipe Nyusi, reiterou, por sua vez, a aposta numa estratégia regional para combater o terrorismo, sem, no entanto, “descorar o apoio de outros países, interessados em apoiar”.

A cimeira, decorreu à porta-fechada, com a presença dos Chefes de Estado e de Governo, Filipe Nyusi (Moçambique), Emerson Mnangagwa (Zimbabwe), Lazarus Chakwera (Malawi ), Mokgweetsi Masisi (Botswana) e Hussein Aly Mwiny (presidente do Governo regional do Zanzibar).

English EN Portuguese PT
× Como podemos ajudar?