Morreu Arão Litsuri, antigo Presidente da CNE

Perdeu a vida Arão Litsuri, antigo Presidente da Comissão Nacional de Eleições (CNE). As causas que levaram a morte do antigo Director Nacional de Assuntos Religiosos no Ministério da Justiça, ainda não foram tornadas públicas pela família do malogrado.

Arão Litsuri, músico conceituado da velha guarda de moçambicana, foi autor de temas como “Malangavi Ya Ndzilo”e o sucesso “Hody” (dueto com o também já falecido músico Hortêncio Loanga).

Biografia:

Tem os graus de Mestre, B.A Honors e Diploma em Estudos Religiosos (ER) pela Universidade do Zimbabwé. Tem o Diploma em Teologia pela United Thelogical College, Harare. Foi pastor da igreja Congregacional Unida de Moçambique (ICUMO); foi presidente da CNE, do Fórum das Comissões Eleitorais da SADC; presidente do Conselho Cristão de Moçambique (CCM) e da igreja Congregacional Unida da África Austral (UCCSA).

Litsuri foi uma figura incontornável da música moçambicana pós-independência. Foi músico, compositor e intérprete. Foi fundador, juntamente com Hortênsio Langa e João Cabaço da banda ALAMBIQUE com quem permaneceu até a data da sua morte. Participou em vários espetáculos da Companhia Nacional de Canto e Dança e em iniciativas musicais nacionais e internacionais. Foi autor dos livros “Há negros na Bíblia” e “25 contos do ventre dos Refugiados”.

English EN Portuguese PT
× Como podemos ajudar?