Ervin José Massinga: Filho de um moçambicano na diplomacia dos EUA

Ervin José Massinga é o novo embaixador dos Estados Unidos da América, na República Federal Democrática da Etiópia, desde 03 de outubro do presente ano, data em que o diplomata apresentou cartas credenciais ao presidente da Ethopia, Sahle-Work Zewde.

A nomeação do diplomata para esta missão, foi feita no dia 03 de Janeiro de 2023, por Joe Biden, Presidente dos Estados Unidos da América (EUA). As audiências sobre a sua nomeação foram realizadas perante a Comissão de Relações Exteriores do Senado em 16 de Maio do presente ano e confirmado pelo plenário do Senado dos Estados Unidos por voto de voz em 27 de julho de 2023.

Ervin é membro de carreira do Serviço Superior dos Negócios Estrangeiros e ocupa o cargo de Ministro Conselheiro.  Antes da sua nomeação para a Etiópia, o Embaixador Massinga foi Vice-Secretário Adjunto Principal do Departamento de Estado para o Gabinete de Assuntos Africanos.  De 2018 a 2021, atuou como Vice-Secretário Adjunto Principal Interino no Gabinete de Assuntos da Ásia do Sul e Central e como Secretário Adjunto para o Paquistão.

O embaixador foi também vice-chefe de missão em Cartum, no Sudão, de 2016 a 2018, e em Conacri, na Guiné, de 2013 a 2016.  Outras missões incluem viagens ao exterior na República Dominicana, Chile, Costa do Marfim e China, bem como missões domésticas no Bureau de Estado do Departamento de Estado.

O diplomata é graduado pela Escola de Serviço Exterior da Universidade de Georgetown e pela Escola de Pós-Graduação em Assuntos Públicos da Universidade de Washington.  Estudou espanhol, francês e chinês mandarim.

Ervin Massingha, é filho do nacionalista e político moçambicano José Chicuara Massinga, que foi fundador e presidente do Partido Nacional Democrático (PANADE). Ervin nasceu em 1968, nos Estados Unidos da América, onde o seu pai estudou e foi representante da Frelimo. É primeiro filho de José Chicuara Massinga com Ruth White, uma americana.

“Casei com Ruth em 1967, e mudamos dos Estados Unidos para Genebra, Suíça, onde eu queria concluir o meu curso de Relações Internacionais. Em 1968 nasceu o meu primeiro filho que lhe dei o nome de Ervin, mas, infelizmente, a relação com a Ruth não durou muito tempo”, escreve Chicuara Massinga na sua biografia.

Em 1992, enquanto decorriam as negociações em Roma, entre o Governo e a Renamo, para a assinatura dos Acordos de Paz, José Chicuara Massinga formou o Partido Nacional Democrático (PANADE), que participou nas primeiras eleições de 1994, coligado com os partidos PALMO e PANAMO que conseguiu 9 lugares no parlamento. “Eu fui um dos primeiros deputados do parlamento multipartidário do meu país, fiquei muito feliz de ter testemunhado um momento maravilhoso”, escreve Massinga na sua biografia.

O político perdeu a vida em Maputo, em Agosto de 2010. Fim

 

× Como podemos ajudar?