NASA procura voluntários altamente motivados para missão de um ano no planeta “Marte”

A NASA anunciou esta semana que está a procurar candidatos para participarem numa missão simulada de um ano em Marte, que irá começar no outono de 2022.

Inicialmente, a agência espacial quer estudar como indivíduos altamente motivados respondem a uma simulação terrestre de longa duração para depois poder avançar com as missões tripuladas ao planeta vermelho.

A série de missões, conhecida como Crew Health and Performance Exploration Analog, inclui três simulações de um ano no John Space Center da NASA. Os voluntários vão trabalhar com equipas de investigadores para desenvolver métodos e tecnologias com vista a prevenir e resolver potenciais problemas em futuras missões de voos espaciais humanos à Lua e a Marte.

“O voluntário é fundamental para testar soluções que atendam às necessidades complexas da vida na superfície de Marte, explicou Grace Douglas, cientista-chefe da NASA. “As simulações na Terra vão ajudar-nos a compreender e combater os desafios físicos e mentais que os astronautas enfrentarão antes de partir”, disse.

Cada missão irá integrar quatro membros que irão viver num módulo com cerca de 500 metros quadrados chamado Mars Dune Alpha. A cápsula irá simular os desafios de uma missão em Marte, incluindo recursos limitados, falhas de equipamento e de comunicação.

A tripulação terá que fazer caminhadas espaciais simuladas, pesquisa científica, utilizar a realidade virtual e comunicar com o exterior.

Os voluntários têm de ser cidadãos saudáveis, americanos ou com residência nos EUA, não fumadores, com idades entre os 30 e 55 anos, com bom nível de inglês.

Mas os requisitos não ficam por aqui. É necessário um mestrado em áreas relacionadas com a ciência, a tecnologia, a engenharia ou matemática e uma experiência profissional de, pelo menos, dois anos.

English EN Portuguese PT
× Como podemos ajudar?