Venâncio Mondlane foi traído?


O cabeça de lista da Renamo, na Cidade de Maputo,Venâncio Mondlane, acusa alguns membros do seu partido, por sinal a direcção máxima de o ter abandonado durante as manifestações iniciadas a 26 de Outubro, em protesto aos resultados das últimas eleições autárquicas que deram victória a Frelimo.

“Há gente que esteve na campanha eleitoral, que tem responsabilidade no partido, mas que abandonou o povo. “parece que já sabia deste resultado anunciado hoje pelo Conselho Constitucional (CC). Se calhar neste momento, essa gente está a brindar com os outros”, desabafou Mondlane, questionando quais são os objectivos de alguns líderes da Renamo.

Venâncio Mondlane, revelou que hoje, durante o anúncio dos resultados pelo CC, recebeu ordens de instâncias superiores do seu partido para abandonar a marcha, que vinha realizando desde o anúncio dos resultados eleitorais pela Comissão Nacional de Eleições, que deram vitória a Frelimoem 64 Municipios, excepto a cidade da Beira, que continua a ser governado pelo Movimento Democrático de Moçambique (MDM.

Venâncio Mondlane, exorta no entanto, a mais alta direcção da Renamo, para que saiba respeitar a vontade do povo e “saiba, de que lado quer estar. Ou do lado do Conselho Constitucional ou do lado do povo”, apela Mondlane,visivbilmente desapontado com a mais alta direcção do seu partido.

Será que Mondlane foi abandonado pela direcção máxima da Renamo? Será que Mondlane estava a realizar as marchas de reevindicação sem autorização dos seus chefes?

English EN Portuguese PT
× Como podemos ajudar?