FDS e Forças do Ruanda recuperam vila portuária de Mocímboa da Praia, em C. Delgado

As Forças de Defesa e Segurança de Moçambique e do Ruanda recuperaram, ontem (08 de Agosto de 2021), a vila portuária de Mocímboa da Praia, em Cabo Delgado, que estava nas mãos de insurgentes há um ano. Esta é a maior cidade na zona de guerra, com o único porto na costa daquela província e uma pista de aterragem.

As duas forças recapturaram cinco vilas que estavam sob controlo de insurgentes perto de Mocímboa e ocupam posições-chave na cidade.

A reconquista de Mocímboa da Praia foi anunciada numa conferência de imprensa, este domingo, na cidade de Maputo, pelo porta-voz do Ministério da Defesa Nacional, Omar Saranga: “As Forças Conjuntas – Moçambique e Ruanda, controlam a vila de Mocímboa da Praia desde as 11 horas de hoje, 08 de Agosto de 2021, controlam as infra-estruturas públicas e privadas com enfoque para edifícios do governo local, porto, aeroporto, hospital, mercados, estabelecimentos de restauração, entre outros objectos económicos. Neste momento, as operações continuam na vila de Mocímboa da Praia, com o objectivo de consolidar o controlo sobre as zonas que prevalecem críticas, nomeadamente, alguns bairros periféricos e a zona onde se localiza a estação de tratamento de água” disse.

Omar Saranga referiu que na sequência das operações conjuntas envolvendo as Forças conjuntas Moçambique-Ruanda, os terroristas têm vindo a perder terreno, estando a retirar-se das zonas onde exerciam relativa influência:
“ A este respeito, destacamos que depois das operações que culminaram com o controlo da localidade de Awasse, a consolidação do troço Awasse –Diaca, no distrito de Mocímboa da Praia, bem como o reforço do controlo situacional da lila de Palma e arredores, a ofensiva em curso desactivou as seguintes posições: à norte da vila de Mocímboa da Praia, nomeadamente, posições de Quelimane, Njama, Tete, Maputo, Primeiro de Maio e Unidade; e à Oeste – posições de Ntotwe, Manilha, Magoma, Mumu e Mbuje”, disse o porta-voz do Ministério da Defesa Nacional, Omar Saranga apelando a serenidade e colaboração de toda a sociedade no sentido de partilhar informações pertinentes que concorram para o combate e prevenção do extremismo violento e do terrorismo em Cabo Delgado. (RM/Zebra/Joseph Hanlon)

English EN Portuguese PT
× Como podemos ajudar?